LIMÃO: mitos ou verdades ?

Entrevistas Dr. André Alfredo
30 de maio de 2017
Dr. André Alfredo no Obesity Week 2017 – EUA
20 de novembro de 2017

Que o nosso querido e azedo limão tem ótimas qualidades e benefícios ninguém duvida. É rico em vitamina C, em cálcio e magnésio, é um antioxidante, um aliado na absorção do ferro e contribui até para o nosso metabolismo!
Mas o fato de ter inúmeros benefícios não faz dele um alimento a ser consumido sem equilíbrio, como se não houvessem prejuízos no seu exagero.
Quem já não ouviu falar sobre “água morna com limão” para emagrecer, desintoxicar e até para tratar a acidez do estômago ??

foto materia limao

Pois é, nem tudo que é dito ou escrito por aí tem respaldo científico, e portanto nem tudo pode ser seguro para sua vida e saúde.
Como médico endoscopista que sou, tive (e sempre tenho) o privilégio de entrar (literalmente) dentro do estômago de muitos pacientes que já se deram mal nestes tratamentos com excesso de limão! E já achei muita consequência ruim desta nova moda na área médica.

Em recente matéria na TV Globo, no programa Bem Estar, um gastroenterologista e uma nutricionista falaram sobre o tema, de uma forma clara, correta e direta.
“O uso do limão para supostamente tirar a acidez do organismo, desintoxicar e emagrecer não faz sentido porque o limão é ácido por si só e nenhum ácido poderia transformar outro do estômago, quanto mais alcalinizar o corpo todo. Em segundo lugar, qualquer alimento ou substância que mexesse no equilíbrio das substâncias ácidas e alcalinas do corpo de forma tão eficaz poderia nos levar à morte, uma vez que esse equilíbrio é essencial para o funcionamento das células. O terceiro ponto é que nosso corpo tem meios de manter esse equilíbrio naturalmente, bloqueando a maior parte das interferências externas, exceto quando há um envenenamento, por exemplo, por alguma droga. Além disso, não existe detox melhor que o feito pelo nosso próprio organismo, pelo sistema gastrointestinal.”

O limão é bom, é ótimo e eu adoro! Mas tentar tirar dele soluções milagrosas, até mesmo para emagrecer, esquecendo-se que ele é uma alimento extremamente ácido, é no mínimo, um descaso com a saúde humana.
Novamente deixo aqui meu conselho de buscar o equilíbrio. Comer, beber e usar tudo aquilo que se goste e que faça bem, mas com moderação, com equilíbrio.
Cuidado com modismos e dicas de internet, sua saúde e sua vida valem muito!
Abraços.

Agendar Consulta
Atendimento via WhatsApp